Circuito dos Annapurnas
Com Luís Ramos
Terra de Buda e do topo do mundo
16 Abr a 02 Mai 2023
17 dias | 1870€
Seguinte
Circuito dos Annapurnas
1 / 1

Entrar em contacto connosco #Agendar Viagem

Preenche os campos
  • Formato da data:DD barra MM barra AAAA
  • Especificações

  • Contacto de Emergência

  • Dados de Faturação

  • A informação recolhida serve apenas para dar resposta via e-mail e/ou telefone. Não guardamos essa informação em nenhuma base de dados.
| Aventura
| Cultura
| Fotografia
| Trekking
Dificuldade: 7/10
Conforto: 4/10
Cultural: 7/10
5-8 pessoas
Circuito dos Annapurnas
16 Abr a 02 Mai 2023
17 dias | 1870€
A viagem
Terra de Buda e do topo do mundo. O país da bandeira dos dois triângulos, dono de uma beleza natural e espiritualidade sem igual acolhe 8 das 14 montanhas com mais de 8000 metros existentes no mundo, sendo Annapurna I a primeira montanha do mundo acima dos 8000m a ser escalada até ao seu cume e considerada a par do K2 as mais difíceis de escalar.
Annapurna é um nome sânscrito que significa deusa das colheitas e o Annapurna circuit trek um dos mais emblemáticos não só do Nepal como do mundo para os apaixonados por montanha, oferecendo paisagens cénicas deslumbrantes sobre a cordilheira dos himalaias. A primavera é a estação do ano mais colorida em Annapurna, e a hospitalidade do povo nepalês aconchegante o ano inteiro. São vários os motivos que farão desta uma viagem que nunca irás esquecer.
Percurso
  • Dia 1 | Kathmandu- (chegada)

    Receção ao grupo em Kathmandu. Check-in. Briefing e jantar de grupo.

    Estadia: Bairro Thamel em Kathmandu

  • Dia 2 | Kathmandu (1400m)

    Neste dia visitamos as impressionantes Kathmandu Durbar Square e Patan Durbar Square, ambas declaradas Património Mundial da Unesco em 1979.

    Estadia: Bairro Thamel em Kathmandu
    Alimentação: Pensão completa

  • Dia 3 | Kahtmandu – Besisahar – Dharapani (2200m) | 8h de viagem

    Área protegida dos Annapurna

    A região protegida dos Annapurna, é a maior área protegida do Nepal, com aproximadamente 7629 km2, na cordilheira dos Himalaias. É possível avistar picos como Mt.Dhaulagiri (8.167m), Mt.Annapurna I (8.091m) Mt.Manaslu (8.163m), Mt.Annapurna II (7.937m.) e Mt. Annapurna III (7.555m).

    Dada a variação de altitude nas montanhas é possível distinguir diferentes ecossistemas e a cultura do povo nepalês que habita as pitorescas aldeias que nos fazem sentir recuar no tempo.

    Após o pequeno-almoço e check-out, iniciaremos a nossa viagem até Dharapani, a primeira parte até Besisahar em carrinha de 10 lugares e o troço final até Dharapani de jipe. É tempo de descansar para, na manhã seguinte, iniciarmos o icónico Annapurna Circuit Trek.

    Estadia: Casa de chá em Dharapani
    Alimentação: Pensão completa

  • Dia 4 | Dharapani – Chame (2650m) | 7h caminhada

    Pela manhã começamos a nossa caminhada pelo meio de florestas de pinheiros e abetos até à vila de Timang, de onde será possível avistar a cordilheira de Annapurna e o pico de Mt. Manaslu.
    Pelo caminho será possível avistar a bonita cascata de Tal. A partir de Timang a trilha tornar-se á mais fácil, atravessando aldeias como Thanchowk e Koto. Dependendo da hora de chegada a Chame poderemos usufruir das suas fontes termais para relaxar da caminhada.

    Estadia: Casa de chá em Chame
    Alimentação: Pensão completa

     

  • Dia 5 | Chame – Upper Pisang (3240m) | 6 horas caminhada

    Neste dia a trilha será mais fácil e na sua maioria plana, pelo meio de pinheiros e carvalhos, guiados pelo rio Marshyangdi e acompanhados pela deslumbrante vista de Annapurna II, chegaremos a Upper Pisang o último destino do dia.

    Estadia: Casa de chá em Upper Pisang
    Alimentação: Pensão completa

  • Dia 6 | Upper Pisang – Manang (3540m) | 6 h caminhada

    Iniciamos a trilha pela manhã, a primeira secção será sobretudo plana seguir-se-á uma secção mais inclinada, passaremos pela vila Ghyaru e colina acima chegaremos à vila de Ngawal detentora de uma vista deslumbrante para Annapurna I, II e III. A última secção até Manang será plana e a descer. Seguiremos o vale até ao pitoresco mosteiro budista de Bhakra com mais de 400 anos, onde faremos uma pausa para contemplar uma vez mais os deslumbrantes Annapurnas antes de chegarmos a Manang.

    Estadia: Casa de chá em Manang
    Alimentação: Pensão completa

  • Dia 7 | Manang (3540m) | Dia de Aclimatização

    Após os primeiros 3 dias de caminhada, escolhemos Manang para o nosso merecido descanso e a necessária aclimatização. Neste dia podemos acordar um pouco mais tarde que o habitual.
    Será dia para explorar a pequena vila de Manang e conhecer o lindíssimo lago gelado (5h hike) e o lago glaciar de Gangapurna (5min hike).

    Estadia: Casa de chá em Manang
    Alimentação: Pensão completa

  • Dia 8 | Manang – Tilicho base camp (4150m) | 8h caminhada

    Depois do dia anterior dedicado à aclimatização, enfrentamos uma caminhada um pouco mais acidentada e desafiante até Tilicho Base Camp, pelo caminho será possível avistar os iaques tão característicos da região, a trilha fica mais ingreme ao aproximarmo-nos do acampamento base de Tilicho e devemos redobrar a atenção devido aos deslizamentos de terra.

    Estadia: Acampamento base em Tilicho
    Alimentação: Pensão completa

  • Dia 9 | Tilicho base camp – Tilicho lake (4920m) – Tilicho base camp | 6h caminhada

    Este será o dia de visitar um dos mais elevados lagos glaciares do mundo e um dos mais profundos do país com aproximadamente 155 milhões de litros de água doce é talvez a maior das atrações da região de Annapurna. Para os seguidores da religião budista é um lugar muito importante e sagrado. A caminhada demorará 4 horas para alcançar o lago e 2 horas para regressar.

    Neste dia as mochilas ficarão no alojamento o que facilitará a nossa caminhada.

    Estadia: Acampamento base em Tilicho
    Alimentação: Pensão completa

  • Dia 10 | Tilicho base camp (4150m) – Yak Kharka (4120m) | 6h caminhada

    Como habitual a caminhada começará de manhã após o pequeno-almoço, a trilha será ao longo do dia maioritariamente plana, com algumas subidas e descidas pouco relevantes, atravessaremos o rio Marshyangdi e chegaremos ao nosso alojamento ainda antes do final do dia.

    Estadia: Yak Kharka
    Alimentação: Pensão completa

     

  • Dia 11 | Yak Kharka (4120m) – Thorong Phedi (4450m) | 5h caminhada

    As distâncias a percorrer diminuem à medida que aumentamos de altitude, a partir de agora a altitude faz-se sentir com maior intensidade e o nosso ritmo de caminhada diminui. O relevo da trilha até Thorong Phedi será pouco acentuado, passando por uma secção onde teremos de ter alguma atenção extra a possíveis deslizamentos de terras.

    Estadia: Thorong Phedi
    Alimentação: Pensão completa

  • Dia 12 | Thorong Phedi (4450m) – Thorong La Pass (5416m) – Muktinath (3700m) | 9h caminhada

    Será um dia com algumas das vistas mais incríveis de todo o circuito, porém o dia mais exigente do ponto de vista físico, bem como o dia que será necessário começar mais cedo, por volta das 4/5am. A trilha até Thorong la Pass tem uma acentuação positiva gradual, será, no entanto, a altitude sentida o maior desafio. Pelo caminho até Thorong la Pass faremos uma pausa para tomar uma bebida quente e repor energias.

    Segue-se o caminho até Muktinath onde passaremos a noite.

    Estadia: Casa de chá em Muktinath
    Alimentação: Pensão completa

     

  • Dia 13 | Muktinath (3700m) – Jomsom (2700m) – Marpha (2600m) | 8h autocarro & hike

    Este será um dia longo. Apanhamos o autocarro local que sai de Muktinath pelas 8am em direcção a Jomsom, a viagem terá a duração de 2h. Chegados a Jomsom exploramos a aldeia e almoçamos. Depois de almoço iniciamos a nossa caminhada, que será plana e a duração de 2h, até Marpha, onde visitamos uma adega onde nos será explicado todo o processo de produção do famoso Brandy de maçã da aldeia.

    Estadia: Casa de chá em Marpha
    Alimentação: Pensão completa

  • Dia 14 | Marpha – Totopani (1200m) | 4h de viagem

    Neste dia a distância percorrida será feita no autocarro local, chegados a Totopani é hora de almoçar, desfrutar das fontes termais da aldeia, com cerca de 37 graus e todos juntos festejar esta inesquecível caminhada pela região de Annapurna.

    Estadia: Casa de chá em Totopani
    Alimentação: Pensão completa

  • Dia 15 | Totopani – Pokhara

    Este será o dia de despedida da área de conservação de Annapurna e da viagem até Pokhara.
    Pelo caminho faremos algumas paragens para tirar fotografias. Chegamos a Pokhara para almoçar e desfrutar da tranquilidade da cidade.

    Estadia: Pokhara
    Alimentação: Pensão completa

  • Dia 16 | Pokhara – Kathmandu | vôo

    Aproveitamos a manhã para explorar a margem do lago.
    Ao final da manhã apanhamos o voo até Kathmandu.
    O almoço será já por Kathmandu. De tarde, quem quiser, poderá em grupo, visitar Swayambhunath Temple, de onde é possível uma vista panorâmica sobre a cidade.

    Estadia: Bairro Thamel em Kathmandu
    Alimentação: Pensão completa

  • Dia 17 | Kathmandu (partida)

    Hoje é o dia da nossa despedida. Resta-nos a agradecer  tua confiança, carregados de memórias dizemos adeus e até já à nossa próxima aventura.

Detalhes
Incluído na viagem:

Acompanhamento líder 100 Rota + Guia nativo local para a área de Conservação de Annapurna

16 noites de alojamento | Quarto duplo/Twin em Kathmandu e Pokhara e duplo/Twin ou Triplo durante o circuito do Annapurna
Todas as refeições (peq.almoço/almoço/jantar) dentro das datas do programa
Todos os transportes (dentro do programa, excepto transfers internacionais) + Vôo doméstico Pokhara-Kathmandu (máx. 15kg bagagem por viajante, incluindo bagagem de mão e transfers)
Annapurna Conservation Area Protection (ACAP) permit
Trekking Information Management System (TIMS) permit

Não incluído na viagem:

Vôos internacionais a partir de: 1200€ (valor indicativo)

Transfers de/para o aeroporto do vôo internacional
Alimentação não especificada (cerca de 15€/dia) | Visto Nepal: 50 € | Carregador bagagem durante o trekking (opcional)
Atividades não incluídas no roteiro
Despesas pessoais | Suplemento quarto individual: 200€
Seguro pessoal | recomendamos IATI seguros de viagem

Perguntas frequentes